Paróquia de Laguna
Logotipo

NOTÍCIAS

Principal | Notícias | Diocese | PASCOM

Escola Diocesana de Comunicação

(01/02/2018)

APRESENTAÇÃO

"Comunicar bem é um desafio para toda a sociedade. De modo particular, a Igreja, precisa comunicar com excelência aquilo que de mais precioso tem a oferecer: o Evangelho. Assim a existência de Escolas de Formação para Leigos, de modo particular e de Comunicação, quer insistir na profissionalização da comunicação religiosa.

O Papa Paulo VI, quando da promulgação do Decreto Inter Mirifica (1963) declarou que "Os meios de comunicação social já são inseridos no ministérios pastoral e da missão católica no mundo". E confirma na Exortação Apostólica Evangelii Nuntiandi que "a Igreja viria a se sentir culpado diante de Deus se não lançasse mão dos meios de comunicação para a divulgação da Boa Nova". É dever da Igreja, segundo o IM, dispor dos meios que a inteligência humana desenvolveu e colocá-los a serviço da evangelização, da construção do reino.

Preparar o leigo para atua junto aos diversos meios e no campo da pastoral, com conhecimento, aptidão e segurança é mister nos tempos atuais, em que a sociedade acompanha atônita as mudanças rápidas e contínuas em todos os setores, principalmente no tecnológico, que atinge de imediato as comunicação.


OBJETIVOS


Inserir-se no programa atual de formação dos leigos da Diocese de Tubarão, junto à ESTEL, Escola Fé e Política, Escola Jovem Querigma e Escola Bíblica Diocesana, visando a formação permanente dos agentes de pastoral no conhecimento das diversas formas de comunicação e da utilização dos vários meios de comunicação disponíveis, a fim de aperfeiçoar e aprimorar os processos de evangelização existentes, além de desenvolver e implementar novas abordagens.

Proporcionar ao colaboradores que trabalham nos meios de comunicação da diocese, e aos voluntários engajados na pastoral da comunicação nas paróquias, uma oportunidade de formação e partilha de experiências.


FUNDAMENTAÇÃO

"Existe nas igrejas particulares um grande número de agentes envolvidos com a comunicação a serviço das diferentes pastorais. Esses leigos trabalham como voluntários, são responsáveis pela comunicação nas dioceses e paróquias, participam das equipes de liturgia, catequese e outras pastorais. A eles deve ser oferecida uma adequada educação para a comunicação, para que possam exercer suas funções pastorais de forma eficiente e crítica. Não se pode esquecer que a evangelização é sempre comunicação, e que toda a vida da Igreja é permeada pela comunicação". Doc 99 (Diretório de comunicação da Igreja no Brasil), 232.


MATRIZ CURRICULAR

A EDC terá duração de um ano, seguindo o calendário das demais escolas do programa diocesano de formação dos leigos (exceto a escola Querigna), e observará a seguinte matriz curricular:

Módulo 1 - Introdução
- Aula Inaugural
- A História da Comunicação
- Teorias da Comunicação
- A Comunicação a Serviço da Pastoral

Módulo 2 - Comunicação e Vivência Cristã
- A Pascom segundo do DOC 99
- Comunicação e Catequese
- Comunicação e Liturgia

Módulo 3 - Comunicação e Sociedade
- Leitura Crítica da Comunicação
- Comunicação e Projetos Sociais
- Ética, Sociedade e Comunicação

Módulo 4 - Meios (Técnica e Pastoral)
- Produção Jornalística
- Oratória
- Fotografia
- Mídias Digitais
- Rádio
- Produções de Vídeos

Módulo 5 - Atividade Finais
- Visita ao Curso de Comunicação da Unisul
- Estudo de caso para elaboração Trabalho Final
- Apresentação dos Trabalhos Finais

+ Atividade Complementais
- Participação no SEDICOM - Seminário Diocesano de Comunicação
- Aula Virtual sobre o tema do Dia Mundial das Comunicação Sociais

MAIS NOTÍCIAS