Logotipo

Instituição de Leitor e Acólito da Diocese de Tubarão

(20/12/2017)

Seguindo um antigo e belo costume da Igreja, no último dia 18 de dezembro os seminaristas de Teologia, Lucas Bittencourt Neves e Judá Gabriel da Silva Freitas, ambos da Paróquia São José Operário de Oficinas, receberam na Capela do seminário Nossa Senhora de Fátima, em Tubarão, os ministérios de Leitor e Acólito, respectivamente. Na Santa Missa, presidida pelo bispo diocesano, Dom João Francisco, e concelebrada pelos padres Rodrigo Silva, Eduardo Rocha, Sérgio Jeremias e Vânio da Silva, um grande número de fiéis se fez presente para prestigiar a cerimônia que também encerrava as atividades anuais de formação nos seminários da diocese. Em sua homilia, Dom João recordou que se tornar um leitor da Igreja não consiste em apenas ler as Escrituras nas Missas, mas, “sobretudo, tomar consciência de ter encontrado a própria Palavra que tudo transforma e à tudo dá vida e sentido”. Do mesmo modo, lembrou que se tornar um acólito não significa apenas servir o altar, o que é um ofício muito importante, mas “também é revestir-se do servo que a todos serve”. Receber o ministério de Leitor, significa tornar-se responsável pela disciplina da leitura da Palavra de Deus em nossas comunidades, bem como dedicar-se à Leitura Orante e testemunhar o poder transformador e libertador dessa Palavra na vida humana. Receber o ministério de Acólito, confere à pessoa a responsabilidade e o amor zeloso pelas coisas do altar, local sagrado do sacrifício de nossa redenção.

Que o Deus todo-poderoso e rico em misericórdia acompanhe com suas bênçãos os novos Leitor e Acólito da Diocese de Tubarão, para que suas vidas sejam sempre testemunhas do amor divino manifestado na Sagrada Escritura e na Eucaristia, fonte e meta da missão.

MAIS NOTÍCIAS